Mexikanischer Walzer/pt

Aus Dancilla Wiki
Version vom 16. Februar 2017, 10:11 Uhr von Franz Fuchs (Diskussion | Beiträge)

(Unterschied) ← Nächstältere Version | Aktuelle Version (Unterschied) | Nächstjüngere Version → (Unterschied)
Wechseln zu: Navigation, Suche

Outras denominações: La Chiapaneca, Mexican Waltz. Esta dança tenha sua origem no México. Na Blumenauer Volkstanzgruppe se adaptou a denominação de Valsa do Abraço em função de sua finalização da parte figurada.

Posição inicial

Posição lado a lado em sentido de dança, mão direita do rapaz segura a mão esquerda da moça.

Descrição da dança

Compasso 1: O rapaz e a moça fazem um passo ternário em sentido de dança inciando com o pé de fora, os braços acompanham o movimento com um balanço para frente. O corpo vira levemente para fora.

Compasso 2: Passo ternário em sentido de dança iniciando com o pé de dentro, os braços balançam para trás, contra o sentido de dança. O corpo vira levemente para dentro.

Compasso 3: Passo ternário em sentido de dança, braços balançam para frente, soltar as mãos e fazer meia-volta por fora, vindo a se posicionar contra o sentido de dança.

Compasso 4: Todos executam 2 palmas nas mãos.

Compasso 5-6: Conforme compassos 1-3, agora contra o sentido de dança.

Compasso 7: Conforme compassos 7, sendo que agora ao dar meia-volta todos ficam em sentido de dança.

Compasso 8: Todos executam 2 palmas nas mãos. Em seguida tomam posicionamento frente a frente, rapaz de costas para o cento do círculo, moça a sua frente, mãos dadas.

Compasso 9: Um passo ternário para trás, afastando-se do parceiro.

Compasso 10: Um passo ternário para frente, indo de encontro ao parceiro.

Compasso 11: Um passo ternário para trás, afastando-se do parceiro.

Compasso 12: Todos executam 2 palmas nas mãos.

Compasso 13: Um passo ternário para frente, indo de encontro ao parceiro.

Compasso 14: Um passo ternário para trás, afastando-se do parceiro.

Compasso 15: Um passo ternário para frente, indo de encontro ao parceiro.

Compasso 16: Todos executam 2 palmas nas costas do parceiro, abraçando-o.

Compasso 17-32: Valsa em sentido de dança.

A dança reinicia.

Fundamentação histórica

A origem desta dança mexicana podemos encontrar nos arquivos da Escuela Primaria Federal “Flavio A. Paniagua” em San Cristobal de las Casas. A dança foi elaborada pelos professores Hermilo W. Paniagua y Gustavi Ramos Aguilar e teve sua estreia no Festival de clausura em outubro de 1932. A coreografia foi baseada na música Las Chiapanecas e tocada com Marimbas.

Mais tarde esta dança dos Chiapos ficou conhecida no ano de 1935, por ocasião do exposição “Así es Chiapas”. Esta foi organizada pelo ministro da educação Dr. Jaime Torres Bodet e aconteceu no Centro Revolución na Cidade do México.

Desde então a dança é tida como característica para o folclore dos Chiapos, que também se destaca pelos trajes coloridos. É com certeza uma de suas danças mais vistosas e representa a república mexicana.

Um vídeo desta dança pode ser visto aqui. A melodia e os movimentos do refrão mostram claramente a semelhança da forma que conhecemos desta dança.

Adaptado de Artes Mexico.

Fontes

Partitura

CD

Video

De traje mexicano e com algumas figuras diferentes.

Em outros idiomas